quinta-feira, 30 de junho de 2011

As seis camisas do Centenário do Palmeiras

Uau, já vou inaugurar aqui a tag 2013-2014? Sim, apesar de ainda faltar 3 anos, os boatos já chegam para o ano de nosso centenário.

E o que o Palmeiras e a adidas estariam preparando para o nosso Cent'Anni? Nada mais, nada menos que 6 (seis) camisas diferentes, amigos!
O time usará um uniforme diferente a cada dois meses entre setembro de 2013 e agosto de 2014... Será esse fato inédito no mundo futebolístico? Acredito que sim!

Precisamos começar a economizar uma graninha extra para esse tanto de camisas hein.

E é bem interessante pensar em como serão essas camisas e quais serão as inspirações delas... Bom, vejam aí o link, do site do Correio do Estado. A dica foi do palestrino Guilherme Godoy. Valeu!

(tem também informações interessantes sobre a camisa III, listrada, deste ano e camisa especial do São Marcos)

Verdão vestirá seis camisas diferentes
IG 28/06/2011 14h45

Ainda faltam três anos para o Palmeiras completar 100 anos, mas o clube já traça ações de marketing para homenagear o momento histórico e, claro, ganhar dinheiro ao lado da Adidas, parceira que fornecerá material esportivo para o clube até dezembro de 2014.

O iG apurou que a antiga diretoria de marketing, ainda composta por Rogério Dezembro, fechou um acordo com a empresa alemã de que os jogadores vestirão um uniforme diferente a cada dois meses entre setembro de 2013 e agosto de 2014, quando o centenário será finalizado. Ou seja, serão seis camisas diferentes em 12 meses que o clube comemora a marca histórica.

O acordo não é confirmado pela empresa, nem pela atual diretoria de marketing, tampouco pela antiga, mas é uma das ação que já está aprovada desde a renovação entre marca e clube, que aconteceu em dezembro de 2010. Outras explorações comerciais da festa do 100º aniversário também estão em desenvolvimento, a maioria contando com a ajuda da Arena Palestra, novo estádio do clube que deve estar pronto em abril de 2013, seis meses antes do início das comemorações.

Ainda não há uma definição de quais modelos serão utilizados, mas a ideia do Palmeiras e da Adidas é de homenagear modelos antigos que fizeram sucesso dentro dos campos desde a fundação do clube, que aconteceu no dia 26 de agosto de 1914.

Também na linha de homenagear as raízes, o clube lançará em setembro deste ano a nova 3ª camisa que promete ser sucesso de vendas. O iG apurou que a camisa listrada, que fez sucesso na época da gestão Parmalat, especialmente em 1992 e 1993, será "clonada". Depois das versões verde-limão e azul, as listras prometem ser a nova febre da torcida palmeirense.

Outros dois planos do marketing do Palmeiras, revelados em primeira mão pelo iG, continuam sendo trabalhados. Marcos terá uma camisa especial em seu último ano como jogador profissional, e Luiz Felipe Scolari virará um boneco, assim como aconteceu com o próprio goleiro, com Kleber e Valdivia.

Continue lendo >>

Camisa de treino 2011 - grená

Por algum motivo que desconheço, na apresentação da linha 2011/2012 não foram apresentados os uniformes de treino.


Qual não foi a minha surpresa então ao ver em lojas esta camisa na cor grená, ou vinho. É o novo uniforme de treino, me explicou o vendedor. A camisa possui filetes na cor azul e lembra bastante na minha opinião aquele uniforme de goleiro de 2008/2009 (aquele do vidro de ketchup, rs).


O amigo Reginaldo Moreira lamentou a infeliz coincidência de a cor da camisa ser bem parecida com a terceira camisa dos corintianos gambacitos. Mas ele também sugeriu que isso pode ser muito bem uma homenagem ao Tolima!!! Quaquaqua! #prasempreTolima

Valeu Reginaldo e Dário Gomes, pelas fotos - que vieram do site da VerdeGol.

Continue lendo >>

terça-feira, 7 de junho de 2011

BMG, bem-vindo mas use o logotipo branco

E o acordo do Palmeiras com o Banco BMG foi fechado e a marca do patrocinador aparecerá nas mangas da maglia até junho de 2012. O time inclusive já estreou a marca, junto com o uniforme novo, no sábado 04 de junho. Vencemos o Atlético Paranaense por 1x0 e vimos com gosto o novo fardamento.



O que entristeceu o torcedor palmeirense foi ver o manto, novinho e com ar retrô, distintivo antigo e modelo a la 1951, totalmente desfigurado devido ao logotipo BMG nas mangas, em tamanho exagerado e na cor laranja. Destoou completamente e toda aquela mensagem da adidas de reconhecer nossos heróis pelo uniforme se perdeu. Salta aos olhos apenas a ofuscante marca do banco mineiro, que aparece 4 (quatro!) vezes no manto que deveria ser alviverde.


O Banco BMG tem uma participação muito importante no futebol brasileiro, apoiando 9 times, contando com o Palmeiras. É admirável ver uma empresa que dê tanto suporte às equipes nacionais. Além disso, o BMG faz interessantes ações e promoções junto ao torcedor. Mas algo que parece ter passado batido ao banco é que a camisa do time de coração é um símbolo, uma farda mesmo em que nossos atletas levam ao campo representando não apenas aquela equipe jogando bola, mas toda uma história e tradição, valores que precisam ser preservados e valorizados. Não é à toa que chamamos a camisa de segunda pele e que a reverenciemos tanto.

Portanto, adicionar marcas comerciais de tamanho exagerado, ou em cor que não tem nada a ver com a tradizione, pode ser um fato muito perigoso pois pode causar antipatia e reação negativa àquela empresa que está "maculando" o manto sagrado.

Peço ao BMG que faça como a Suvinil e a Seguros Unimed. Estas empresas entenderam essa característica do torcedor palmeirense e alteraram suas marcas, indo até contra algumas diretrizes pré-definidas de marca.


Pedimos ao BMG que use a marca em branco, como a empresa já usa na própria homepage. O manto permaneceria assim, alviverde. Também seria desejável que a marca fosse estampada na horizontal nas mangas, ficaria muito mais bonito, sem cara de "gambiarra":


E, vale a pena até trazer estes exemplos aqui, o Banco BMG já usa o logotipo em outras cores para combinar melhor em outras camisas, como no Atlético Mineiro e no SPFC. Portanto vemos que a alteração de cores não é uma coisa impossível, já existe para outros clubes.


O torcedor palmeirense que concorda com este post pode fazer o comentário apoiando esta ideia. Ou, melhor ainda, pode acessar a página de contato do Banco BMG e citando esta postagem. Vamos solicitar esta alteração, e com educação hein pessoal. Tenho certeza que o parceiro BMG entenderá nossa posição.
(e desculpem por incluir fotos de camisas de outros times aqui, mas é que é por uma boa causa).


A seguir, algumas manifestações no twitter. A tag #LaranjaNao foi criada, em rejeição ao logotipo na cor laranja. Já se percebe a irritação de alguns torcedores. E, é só procurar que se acham muitas, mas muitas declarações como estas no twitter.

Continue lendo >>

Camiseta homenagem à Segunda Academia

E quem aparece é o Junior Salvalaggio, que nós também já conhecemos. Ele é o Cônsul do Palmeiras em Curitiba e faz parte do Movimento Palmeiras Curitiba - uma brava turma, que deve ter passado momentos um tanto difíceis nestas últimas semanas, devido àquele lapso do dia da goleada.


Bom, mas vamos ver o que ele nos traz de novidade:

Desta vez estou mandando a segunda camisa da série Campeão do Século XX, que vai homenagear nossa historia, nossos idolos e nossos times inesqueciveis. Agora é uma homenagem a um dos maiores times de todos os tempos, a Segunda Academia, de Leão, Eurico, Luis Pereira, Alfredo, Zeca, Dudu, Ademir da Guia, Leivinha, Edu, César Maluco e Nei. E claro que é uma homenagem também ao técnico deste time incrível, Oswaldo Brandão.


A camisa do Marcos, que você colocou neste post fez um sucesso absurdo. Muita gente adquiriu depois de ver o blog. Tanto que mandei fazer mais algumas. E a renda vai para as ações sociais que realizamos e que sempre vão pro site oficial, para divulgar mais e mais o Palmeiras na Capital Paranaense, através do nosso site, para confeccionar novas camisas, fazer caravanas pra ver o verdão e cada vez mais fortalecer o nome do Campeão do Século XX.

Quem se interessar pelas nossas ações, assistir aos jogos com a gente ou mesmo adquirir a camisa, pode entrar em contato comigo no email junior@sepalmeiras.com.br


Legal Junior! Muito boa a homenagem ao Palmeiras de 1972-1973-1974; e gostei de ver que Mestre Oswaldo Brandão também foi devidamente mencionado.

Feliz é o torcedor de um time assim, em que não faltam nobres motivos para comemorar e se homenagear.
Galera que gosta de uma camisa caprichada, pode contatar o Junior! E tem o modelo feminino também:


(Atenção, este não é produto oficial, licenciado Palmeiras ou adidas. É um produto feito por torcedores, com o intuito de homenagem.)

Continue lendo >>

Palmeirense em Londres e em Greenwich

Estas fotos foram tiradas pelo palestrino Rayfran Campaci, que já colaborou conosco com suas montagens no photoshop.

Ele esteve em Londres em março deste ano - antes do casamento da princesa e tal.


O relojão aí é o famoso Big Ben, no Palácio de Westminster à beira do rio Tâmisa.


Saudações Alviverdes, estou mandando aqui uma foto minha com a camisa do Palmeiras ao lado do Big Ben e do Parlamento de Londres, só foi preciso aguentar um pouco do frio pra tirar a foto.

A outra foto foi clicada no Colégio Real Naval de Greenwich, próximo de onde passa a linha do Meridiano de Greenwich.


Hehe, eu estive aí também longínquos anos atrás, tirei aquela clássica foto com um pé de cada lado do meridiano zero. Sim, é a hora solar desse lugar aí que se convenciona como sendo a referência de hora certa GMT. E Greenwich, vejam só, significa vila verde.
Valeu Rayfran!

Continue lendo >>

quarta-feira, 1 de junho de 2011

A camisa Palmeiras TechFit 2011 e seus super-poderes

Bom, deixei para falar da camisa TechFit neste post específico.

Vai ficar a critério de cada jogador se ele vai utilizar a TechFit ou a ForMotion. Assim foi também com algumas seleções na Copa do Mundo, acredito que os amigos se lembram.


Consta que esta camisa TechFit chega a melhorar a performance do atleta. O desempenho aumenta porque ela "corrige" a postura do jogador, otimizando os movimentos e a respiração. Segundo a adidas: as tiras termoplásticas estrategicamente colocadas ligam áreas-chave do corpo e trabalham para armazenar energia e amplificar a força em movimentos de explosão que são cruciais no futebol. Veja na foto como o Kleber parece que está com uma armadura. Daí veio a ideia de super-herói.


A camisa é bem justa, colada ao corpo mesmo. Adere como se fosse uma pele. As tiras termoplásticas partem das costas e "puxam" o peito à frente: são essas partes em escuro na camisa. Nas costas elas fazem uma espécie de "X".

Aliás essas partes do TechFit geraram uma mini-polêmica no lançamento, pois alguns corneteiros acharam que elas eram pretas, mas são verde-escuro (né, sr. Parmerista? rs).


O ganho na performance é até cientificamente mensurado: a adidas alega que ela aumenta 1,1% na velocidade, traz mais controle devido a melhor postura, aumenta em 5,3% a força, traz ganho de 4% de altura em saltos verticais e melhora 0,8% a resistência do atleta. São os super-poderes!


Conversei com o Marcos Assunção, e ele me disse ser super-difícil de tirar a camisa. Ela adere mesmo. E para se usar esta camisa, tem que se estar em forma. Alguém acima do peso, acho que dificilmente vai vestir bem esta maglia.

A bainha, ou barra, embaixo na camisa, é bem interessante também: é apertada e feita de um material grosso, termoplástico também, e que é meio "colante", adesivo. Ele ajuda a camisa a se aderir ainda mais ao corpo e dentro do shorts.


O detalhe fazendo menção à Copa Rio: "Sabe Engrandecer a Pátria"


A embalagem, bem classuda, que traz esta camisa: a caixa é enorme, trazendo estes interessantes escritos históricos nas laterais.


Vou transcrever a bonita mensagem da embalagem, pois eu acho que tem tudo a ver com este blog!


Aos Heróis de 1951
S.E.Palmeiras, o Campeão do Mundo

É difícil colocar em palavras o que esses seres aparentemente normais fizeram diante dos olhos atentos de milhares de torcedores. A conquista do mundo foi a prova de que algo sobrenatural controlava cada passo resultante em vitória seguida de vitória.
Qual seria o segredo? Todos se perguntavam, mas poucos arriscavam afirmar o que hoje é sabido; a força vinha da camisa. O super poder a serviço de meros mortais transformava cada um deles em heróis de verdade. Mais que uma equipe de craques, o Palmeiras de 1951 era uma seleção universal, preparada para enfrentar quem e onde fosse, como se as leis que regem o universo não se aplicassem a eles.
Por isso, o que você tem em mãos é uma relíquia. Uma verdadeira arma secreta que só deve ser vestida por quem de fato acredita e entende a diferença de ser Palmeirense.



A Campanha na Copa Rio
Os Heróis Palestrinos souberam engrandecer a Pátria
Após a trágica derrota para o Uruguai em 1950 no Maracanã, todos foram crucificados e criticados. Depois de exatamente 1 ano, o Palmeiras teve a chance de ser o que o Brasil não tinha sido em 1950. Campeão Mundial.
Goleiros: Fábio Crippa, Oberdan Cattani, Inocêncio. Zagueiros: Juvenal, Salvador, Palante. Médios: Dema, Túlio, Gérsio, Luiz Velha, Sarno. Meias: Achilles, Jair Rosa Pinto, Ponce de León. Atacantes: Lima, Richard, Canhotinha, Rodrigues, Liminha. Técnico: Ventura Cambon.
Mais de cem mil pessoas estiveram no Maracanã.
O Alviverde agigantou-se na grande final
Palmeiras vs Juventus (ITA)
22 de julho de 1951, Est. do Maracanã, público: 100.093
Depois de um início de certame titubeante, o quadro alviverde agigantou-se. Contando com o apoio da torcida brasileira, o "Cinco Coroas" bateu o Vasco nas semifinais. Na final contra o algoz da primeira fase, Juventus-ITA, venceu a primeira partida por 1x0 e empatou a segunda em 2 tentos, sagrando-se Campeão Mundial.

Bonito, não? Aqui é Palmeiras!!!

Acho que muitos queiram comprar esta camisa pois será idêntica a que alguns jogadores vão usar (parece ter sido feita sob medida para o Kleber, por exemplo). Mas o preço é bem alto: $299,90. O problema é que a produção foi limitada a 600 unidades na caixa especial. Já foi inclusive reportado pelo palestrino Rodrigo que a loja no Palestra estava vendendo esta maglia com ágio: por R$349,90!

Resta saber se a adidas vai comercializar mais unidades desta camisa, mesmo que sem a embalagem especial, por exemplo.

Continue lendo >>
Este blog é dedicado à camisa do Palmeiras, ao manto sagrado verde do Palestra Italia. Maglia verde quer dizer manto verde em italiano, capisce?

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO